‧ Envio Grátis ‧ Receba em 4 dias úteis ‧ 30 Dias para Trocar ‧ 2 Anos de Garantia ‧

Alianças: um encargo necessário. Mas quem paga?

Já lá vai o tempo em que as despesas com a festa de casamento eram da responsabilidade exclusiva dos pais da noiva.

No momento actual esse desiderato é alcançado de forma natural através do diálogo sério entre os noivos, exceptuando os casos de evidente carência de recursos financeiros de uma das partes envolvidas ou quaisquer outros motivos impossíveis de evitar.

Reza a tradição, mormente a tradição religiosa, que os padrinhos de casamento são escolhidos entre os padrinhos de baptismo dos noivos a quem cabe, entre outras tarefas, comprar as alianças de casamento, embora se reconheça uma evolução significativa desse padrão ao longo do tempo. Actualmente, os noivos são livres de escolher os padrinhos/madrinhas que quiserem, sem terem de se limitar aos padrinhos de baptismo. Muitas vezes, recorrem aos melhores amigos ou irmãos, ou àqueles que acompanharam de perto o relacionamento do casal. 

Aliança Prateada com Banda Dourada e Pedras ou Dourada com Banda Prateada 6mm em Aço

O valor material e sobretudo a simbologia social, cultural e espiritual desta jóia merece particular e especial atenção para se evitar uma surpresa desagradável precisamente num momento decisivo que sela um contrato firmado entre duas pessoas: a troca de alianças de casamento. Como tal, recomenda-se que os noivos acompanhem os padrinhos na hora de escolher as alianças, uma vez que este anel será de uso diário para ambos. 

Resumindo, podemos dizer que, habitualmente a despesa das alianças de casamento são um encargo dos padrinhos de casamento.